Cientistas criam exame de sangue que detecta o câncer a partir do DNA

Cientistas anunciaram terem desenvolvido um teste sanguíneo capaz de detectar precocemente vários tipos de câncer, ao localizar material genético derivado de células tumorais.

O exame de sangue é capaz de detectar precocemente vários tipos de câncer, ao localizar material genético derivado de células tumorais. O estudo foi apresentado em um artigo publicado nesta quarta-feira (16) na revista Science Translational Medicine.

O teste permitiu a uma equipe de cientistas dos Estados Unidos, da Holanda e da Dinamarca identificar com precisão, evitando resultados ‘falsos positivos’, mais de metade de uma amostra de 138 pessoas com câncer colorretal, de mama, do pulmão e dos ovários em uma fase relativamente inicial da doença.

Apesar dos resultados promissores, o teste sanguíneo, que pode ser usado em pessoas saudáveis, tem que ser validado com um número maior de pessoas, ressalva a equipe.

Segundo o grupo de pesquisadores, o teste é uma novidade ao distinguir nas células sanguíneas entre alterações no DNA (material genético) provenientes de células cancerígenas e outras mutações genéticas que podem ser confundidas como biomarcadores do câncer.

As pessoas que poderiam, de acordo com a pesquisa, beneficiar mais com uma análise ao sangue deste tipo seriam os fumantes, que possuem risco acrescido de terem câncer do pulmão, e as mulheres com mutações genéticas hereditárias que estão na origem dos cânceres de mama e dos ovários.

“Este estudo mostra que identificar precocemente o câncer usando alterações do DNA no sangue é possível e que nosso método de sequência de moléculas de DNA de alta precisão é uma abordagem promissora“, defendeu Victor Velculescu, professor de oncologia e patologia no Centro para o câncer Johns Hopkins Kimmel, nos Estados Unidos, citado em comunicado pela Johns Hopkins Medicine, instituição de saúde norte-americana.

Para criarem o novo exame de sangue, Victor Velculescu e os restantes da equipe utilizaram um tipo de sequenciação genômica (sequenciação de informação genética) que possibilita a correção direcionada no DNA. O método de sequenciação permite decodificar 30 mil vezes cada código químico no DNA.

Para o estudo, os cientistas recolheram amostras de sangue e tecido tumoral de 200 doentes com câncer colorretal, de mama, do pulmão e dos ovários em todas as fases da doença. Posteriormente, procuraram no sangue por mutações em 58 genes associados a vários tipos de câncer. Ao todo, conseguiram detectar 86 de um total de 138 cânceres em estádios I e II (fases iniciais).

Além disso, os pesquisadores realizaram a sequenciação genômica de tumores de 100 dos 200 doentes e descobriram que 82 pacientes tinham mutações genéticas relacionadas com as alterações no DNA detetadas no sangue.

Em nenhuma das amostras de sangue de 44 pessoas saudáveis sujeitas ao teste foi detectada qualquer mutação genética derivada de células cancerígenas.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Rede 5G pode transmitir energia elétrica e aposentar as baterias no futuro

O mundo já conhece os benefícios da tecnologia 5G como a alta velocidade na transmissão de dados e baixa latência. Agora, os cientistas do Instituto de Tecnologia da Geórgia, nos EUA, descobriram que essas redes …

Covid: como evitar a trágica marca de 5 mil mortes por dia no Brasil?

No dia 19 de maio de 2020, o Brasil atingiu pela primeira vez a marca das mil mortes diárias por covid-19. Esse número permaneceu relativamente estável, em um patamar considerado alto, durante todo o segundo semestre …

Físicos afirmam que o universo é um computador de aprendizado de máquina

Físicos teóricos que trabalham com a Microsoft lançaram um artigo na sexta-feira afirmando que o universo é essencialmente um computador de aprendizagem de máquina (machine learning, em inglês). Os pesquisadores, vários afiliados à Microsoft, pré-publicaram um …

Mundo ainda tem países sem uma única dose de vacina

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 600 milhões de doses de vacina contra a covid-19 já foram aplicadas em todo o mundo. Mas a discrepância entre países é alta: enquanto, …

Covid: site calcula quando você será vacinado. Resultados não animam

Um grupo de voluntários chamado CoronavirusBra desenvolveu uma plataforma para calcular quando você será vacinado contra a covid-19. O ‘Quando vou ser vacinado?’ utiliza dados públicos como a média de imunizados com o número de pessoas …

Rússia inicia desenvolvimento de mais uma vacina contra COVID-19

Sendo o primeiro país a registrar uma vacina contra a COVID-19, a Rússia anunciou o início do desenvolvimento de mais uma vacina contra o coronavírus. A criação do novo medicamento estará a cargo do Instituto Smorodintsev …

Especialista chinês: ascensão da China faz EUA entrarem em pânico e ficarem nervosos

O desenvolvimento econômico e a ascensão do país asiático fazem os EUA ficarem nervosos e entrarem em pânico, mas este medo se origina em seus preconceitos, disse em entrevista à Sputnik um especialista chinês. Li Junru, …

Interação de múons, a nova força da natureza que cientistas acreditam ter descoberto

Desde colar um ímã na porta de uma geladeira até jogar uma bola em uma cesta de basquete, as forças da física funcionam em todos os momentos de nossas vidas. Todas as forças que experimentamos todos …

Receita afirma que "só rico lê" e reforça preconceito de classe brasileiro

A Receita Federal deseja manter o projeto que cobra impostos sobre livros. Através da mesclagem entre PIS e Cofins, a nova CBS (Contribuição sobre bens e serviços), uma espécie de imposto sobre valor agregado, o …

Tribunal europeu dá aval a vacinação obrigatória

Corte de direitos humanos diz que medida pode ser necessária em sociedades democráticas e abre precedente no combate à covid-19. Tribunal julgava ação de famílias tchecas que se recusaram a vacinar os filhos. O Tribunal Europeu …