Cientistas criam exame de sangue que detecta o câncer a partir do DNA

Cientistas anunciaram terem desenvolvido um teste sanguíneo capaz de detectar precocemente vários tipos de câncer, ao localizar material genético derivado de células tumorais.

O exame de sangue é capaz de detectar precocemente vários tipos de câncer, ao localizar material genético derivado de células tumorais. O estudo foi apresentado em um artigo publicado nesta quarta-feira (16) na revista Science Translational Medicine.

O teste permitiu a uma equipe de cientistas dos Estados Unidos, da Holanda e da Dinamarca identificar com precisão, evitando resultados ‘falsos positivos’, mais de metade de uma amostra de 138 pessoas com câncer colorretal, de mama, do pulmão e dos ovários em uma fase relativamente inicial da doença.

Apesar dos resultados promissores, o teste sanguíneo, que pode ser usado em pessoas saudáveis, tem que ser validado com um número maior de pessoas, ressalva a equipe.

Segundo o grupo de pesquisadores, o teste é uma novidade ao distinguir nas células sanguíneas entre alterações no DNA (material genético) provenientes de células cancerígenas e outras mutações genéticas que podem ser confundidas como biomarcadores do câncer.

As pessoas que poderiam, de acordo com a pesquisa, beneficiar mais com uma análise ao sangue deste tipo seriam os fumantes, que possuem risco acrescido de terem câncer do pulmão, e as mulheres com mutações genéticas hereditárias que estão na origem dos cânceres de mama e dos ovários.

“Este estudo mostra que identificar precocemente o câncer usando alterações do DNA no sangue é possível e que nosso método de sequência de moléculas de DNA de alta precisão é uma abordagem promissora“, defendeu Victor Velculescu, professor de oncologia e patologia no Centro para o câncer Johns Hopkins Kimmel, nos Estados Unidos, citado em comunicado pela Johns Hopkins Medicine, instituição de saúde norte-americana.

Para criarem o novo exame de sangue, Victor Velculescu e os restantes da equipe utilizaram um tipo de sequenciação genômica (sequenciação de informação genética) que possibilita a correção direcionada no DNA. O método de sequenciação permite decodificar 30 mil vezes cada código químico no DNA.

Para o estudo, os cientistas recolheram amostras de sangue e tecido tumoral de 200 doentes com câncer colorretal, de mama, do pulmão e dos ovários em todas as fases da doença. Posteriormente, procuraram no sangue por mutações em 58 genes associados a vários tipos de câncer. Ao todo, conseguiram detectar 86 de um total de 138 cânceres em estádios I e II (fases iniciais).

Além disso, os pesquisadores realizaram a sequenciação genômica de tumores de 100 dos 200 doentes e descobriram que 82 pacientes tinham mutações genéticas relacionadas com as alterações no DNA detetadas no sangue.

Em nenhuma das amostras de sangue de 44 pessoas saudáveis sujeitas ao teste foi detectada qualquer mutação genética derivada de células cancerígenas.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Cientistas desenvolvem holograma com som e toque iguais aos de Star Wars

Quando pensamos em desenvolver tecnologias baseadas nos filmes de Star Wars, a primeira, segunda e terceira coisa que passa pela cabeça dos fãs é a criação de sabres de luz da vida real. Mas, para os …

Secom diz que não há 'indicativo de câncer de pele' em Bolsonaro

Após o presidente Jair Bolsonaro declarar que tinha feito exame para investigar "possível câncer de pele", a Secretaria de Comunicação da Presidência disse por nota que não havia qualquer indicativo da doença. O chefe de Estado …

Evo Morales vai fazer da Argentina o seu comitê de campanha para as eleições na Bolívia

Em uma operação secreta, o ex-presidente da Bolívia, Evo Morales, chegou à Argentina de onde vai comandar a campanha do seu partido para as próximas eleições. Depois de passar quase um mês no México, …

Boris Johnson vence por ampla margem no Reino Unido

O Partido Conservador do atual primeiro-ministro, Boris Johnson, conquistou a maioria absoluta dos assentos no Parlamento do Reino Unido nas eleições realizuadas nesta quinta-feira (12/12) no país. Esse resultado eleitoral garante ao premiê o número …

Simples e atemporal, azul clássico é a cor de 2020, segundo a Pantone

A cor do ano de 2020 será o Classic Blue, um azul clássico que oferece estabilidade e conexão. Quem diz isso é a Pantone, a principal empresa de cores do mundo, que oferece o sistema …

Segredos do idioma dos orangotangos são revelados

Um novo estudo da Universidade de Exeter (Inglaterra) desvendou a linguagem secreta dos orangotangos, descobrindo o que significam 11 sinais vocais e 21 gestos. Os pesquisadores passaram dois anos filmando mais de 600 horas do comportamento …

Exaustos com o Brexit, britânicos vão às urnas pela quarta vez em quatro anos

O Reino Unido está indo às urnas nesta quinta-feira (12) para o que está sendo chamada de a eleição mais importante desta era. Os britânicos estão diante de duas escolhas: apoiar o primeiro-ministro conservador Boris Johnson e …

VÍDEO da NASA revela degelo dramático das geleiras do Alasca

Vídeo recém-publicado mostra derretimento de geleiras e calotas de gelo do Alasca visto do espaço. Algumas imagens revelam mudanças de quase 50 anos, e dão aos cientistas novas ideias relacionadas aos efeitos das mudanças climáticas …

Greta Thunberg é eleita Pessoa do Ano pela "Time"

Revista dedica capa à jovem adolescente sueca por liderar a maior manifestação pelo clima na história da humanidade e diz que mudanças significativas raramente ocorrem sem a força mobilizadora de indivíduos influentes. A ativista sueca Greta …

Companhia aérea adota copos comestíveis para substituir descartáveis

A redução do uso de plástico como medida de combate à poluição é necessidade urgente e, ainda que cada um de nós seja parte desse destrutivo consumo, é sabido que a diferença se dá de …