Teorias da conspiração sobre o destino de Hitler são falsas

Um professor norte-americano que chegou à Rússia nos anos 2000 para estudar a morte de Hitler conseguiu provar seu suicídio com ajuda de uma radiografia até então desconhecida do maxilar do líder nazista, que tinha sido arquivada nos serviços secretos dos EUA.

Hitler cometeu suicídio no dia 30 de abril de 1945, em Berlim, cercado pelas tropas soviéticas. De acordo com o cientista sênior do Instituto de História Russa da Academia de Ciências, Vasily Khristoforov, a questão das circunstâncias da morte do líder do Terceiro Reich continua polêmica até hoje.

“Um grande grupo de investigadores ainda afirma que Hitler conseguiu fugir e que pode ter vivido até os finais da década de 70 na América Latina, e ter tido filhos por lá. Mas não há nenhuma prova sólida disso. Em vez disso, apresentam-se evidências de pessoas que já morreram e não dá para provar se estas pessoas alguma vez existiram”, frisou o cientista.

“Ao mesmo tempo, o Arquivo Central do FSB, Serviço Federal de Segurança da Rússia, acumula provas reais anexadas ao processo de investigação sobre o suicídio de Hitler. E foi provado de modo consistente que Hitler se suicidou. Como prova, existem os fragmentos do maxilar de Hitler. Por isso, todas as outras versões sobre o destino de Hitler caem por terra”, adiantou Khristoforov.

O entrevistado contou à Sputnik que houve um caso relacionado com esta prova. “Nos anos 2000, um pesquisador e professor norte-americano visitou o Arquivo Central do FSB  a fim de trabalhar nos materiais ligados à morte de Hitler. Ele pediu particularmente para que lhe mostrassem os fragmentos do maxilar“, disse.

“De repente, para surpresa dos funcionários do arquivo, o pesquisador tirou da pasta uma radiografia do maxilar feito durante a vida de Hitler. A imagem estava à disposição dos serviços secretos norte-americanos desde o fim da guerra, mas nunca ninguém falou dela. A radiografia nunca tinha aparecido em lugar nenhum”, resumiu o cientista russo.

De acordo com este cientista, o especialista norte-americano estudou em minuciosamente a radiografia e os fragmentos do maxilar e disse que tudo coincidia. “Caso os resultados não tivessem coincidido, acho que certamente teria havido um escândalo. Mas não, ele foi embora e não houve nenhuma informação sobre a visita dele”, revelou.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Bolsonaro é autor de mais da metade dos ataques a jornalistas em 2019

Em todo o ano foram registrados 208 casos de ataques a veículos de comunicação e jornalistas, um aumento de 54%. Presidente foi responsável por 121 deles, afirma a entidade. O presidente Jair Bolsonaro, sozinho, é responsável …

Qual a idade em que somos mais infelizes, segundo a ciência

A chamada crise dos 40 deixou de ser um mito, pelo menos de acordo com uma ampla pesquisa realizada em 134 países pelo economista David Blanchflower, professor da universidade Dartmouth College, nos EUA, e ex-membro …

Trump fecha acordo e sinaliza fim da "guerra fiscal" com a China

Na última quarta-feira, os Estados Unidos e a China firmaram um acordo que pode ser o primeiro passo para o fim da chamada “guerra comercial” entre as potências. O pacto, que foi anunciado em dezembro do …

YouTube vincula anúncios em vídeos controversos sobre mudanças climáticas

Uma notícia deixou algumas empresas anunciantes do YouTube surpresas. Segundo estudo feito pela Avaaz, a plataforma de vídeos da Google tem vinculado anúncios de grandes companhias em vídeos que têm como propósito desinformar as pessoas …

Premiê renuncia após Putin propor reformas constitucionais

Líder russo propõe pacote de mudanças com as quais, segundo críticos, poderia permanecer no poder após fim do mandato. Premiê Medvedev renuncia com todo o gabinete para "abrir espaço" às reformas. O presidente da Rússia, Vladimir …

Musculação: detonando o grande mito da nutrição para ganhar massa muscular

Dietas com alto teor de carboidratos costumam ser recomendadas como parte de protocolos de exercícios para melhorar a recuperação e aumentar o desempenho. No entanto, pesquisas recentes tem mostrado que os carboidratos talvez não ajudem …

Austrália: aviões jogam alimentos para animais sobreviventes dos incêndios

Os incêndios que ardem por toda a Austrália desde setembro do ano passado vem atingindo e ameaçando a vida dos animais locais não só diretamente – mais de 500 milhões de animais já morreram por …

"Democracia em Vertigem", de Petra Costa, é indicado ao Oscar

A Academia de Artes e Ciências cinematográficas anunciou nesta segunda-feira (13) os indicados ao Oscar. “Democracia em Vertigem”, da brasileira Petra Costa, foi indicado ao prêmio de melhor documentário. "Dois Papas", o filme de Fernando Meirelles …

Arquivos sobre OVNIs poderiam 'danificar seriamente' segurança dos EUA, segundo Marinha americana

Marinha dos EUA considera que abertura de arquivos sobre OVNIs poderia causar sérios danos à Segurança Nacional, enquanto reconhece existência de OVNIs. Enquanto conspiracionistas acreditam que as Forças Armadas americanas utilizam tecnologia alienígena para o desenvolvimento …

Crise do 737 Max faz Boeing registrar perda de produção recorde

Pela primeira vez em décadas, a Boeing terminou o ano com pedidos negativos de produção de aviões comerciais. No final de 2019, a gigante aeroespacial registrou cancelamentos de 87 unidades, o que significa mais baixas …