Dizer palavrões aumenta a força durante exercícios físicos

Um estudo da Universidade de Keele, na Grã-Bretanha, e da Long Island University Brooklyn, nos Estados Unidos, confirmou cientificamente que dizer palavrões aumenta a força durante exercícios físicos.

A descoberta foi anunciada na Conferência Anual da Sociedade Britânica de Psicologia, pelo psicólogo Richard Stephens, da Universidade de Keele.

“Sabemos das nossas pesquisas anteriores que dizer palavrões torna as pessoas mais capazes de tolerar a dor. Seguindo essa linha, esperávamos que também tornaria as pessoas mais fortes”, disse Stephens.

Para confirmar a teoria, os cientistas mediram a intensidade com que 29 pessoas faziam um exercício de curta duração e alta intensidade na bicicleta estática enquanto diziam palavrões e compararam com a mesma atividade feita sem insultos.

Os especialistas também realizaram um teste de Handgrip – um aparelho que testa a força de pressão das mãos – com 52 participantes com e sem palavrões. Em ambas as experiências, a força era maior quando os indivíduos xingavam.

Segundo o cientista, uma possível razão para a melhoria no desempenho seria o fato de que praguejar estimula o sistema nervoso simpático do corpo – o mecanismo responsável por fazer o coração bater mais rápido quando estamos em perigo.

“No entanto, a frequência cardíaca não foi significativamente diferente quando as pessoas fizeram os testes enquanto praguejavam. Ainda temos que descobrir qual é o mecanismo que faz com que dizer palavrões deixe as pessoas mais fortes e tolerantes à dor”, afirmou Stephens.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Cientistas resolvem enigma de esculturas de pedra de 3.200 anos da Turquia

Um recente estudo permitiu descobrir finalmente o significado e a função dos relevos em pedra criados há 3.200 anos no santuário de Yazilikaya, na Turquia, após 200 anos de conjeturas. No século XIII a.C., a alguns …

EUA não devem esperar retomada do diálogo com Pyongyang, diz irmã de Kim Jong-un

As expectativas de retomada do diálogo entre os EUA e a Coreia do Norte são erradas, podendo levar a uma "decepção ainda maior", declarou a irmã do líder norte-coreano. Na terça-feira (22), Kim Yo Jong, alta …

Ministro da Saúde diz que não há mudança de estratégia para a Coronavac

No início desta segunda-feira (21), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, revelou que não haverá qualquer mudança de estratégia para a aplicação da CoronaVac. A declaração do ministro foi feita em audiência ao Senado Federal, revelando …

Há 80 anos, Hitler invadia a URSS – e começava a perder a guerra

Adolf Hitler e seus generais vinham planejando há meses para este momento. No domingo, 22 de junho de 1941, havia chegado a hora: às 3h15 da manhã, a Wehrmacht, forças armadas nazistas, atacou a União …

Com apenas 2% da população imunizada, África quer fabricar suas próprias vacinas anticovid

A África do Sul anunciou nesta segunda-feira a primeira etapa para capacitar seu continente na produção de vacinas anticovid. A conclusão do projeto ainda não tem data prevista, mas a iniciativa já é vista …

Pessoas feias superestimam drasticamente suas aparências

Pessoas pouco atraentes parecem menos capazes de julgar com precisão sua própria atratividade, e tendem a superestimar sua aparência. Não faltam disparidades entre pessoas atraentes e pouco atraentes. Estudos mostram que os mais belos entre nós …

Noruega acusa Pequim de ciberataque contra serviços do governo

Pela primeira vez na história, o Serviço de Segurança Policial da Noruega (PST, na sigla em inglês) identificou a China como sendo responsável por um ataque hacker contra as autoridades do país nórdico. A agência de …

China supera marca de 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 aplicadas

Quantia representa mais de um terço das doses aplicadas no mundo. Após início lento da imunização, autoridades chinesas querem vacinar completamente 40% da população até o final de junho. O número de doses de vacinas contra …

Brasileiros protestam no exterior contra Bolsonaro e gestão da epidemia

Dezenas de milhares de pessoas tomaram as ruas de várias capitais brasileiras neste sábado para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro e sua gestão da pandemia, que já deixou mais de meio milhão de …

Relíquia do Jurássico: descoberto animal marinho cuja espécie vive há 180 milhões de anos

Um grupo de pesquisadores descreveu uma nova espécie de ofíuros – um animal marinho parecido com as estrelas-do-mar, que recebeu o nome de Ophiojura, informou nesta quinta-feira (17) Tim O’Hara, curador dos Museus Victoria (Austrália) …