Caso de menino encontrado morto no porta-malas do carro da namorada do pai choca a Espanha

O desaparecimento de um menino de oito anos teve um final trágico e inesperado na Espanha. O corpo de Gabriel Cruz, que sumiu no último dia 27 de fevereiro, foi encontrado pela polícia neste domingo no porta-malas do carro da namorada de seu pai, Ana Julia Quezada.

A informação foi divulgada pelo ministro do Interior da Espanha, Juan Ignacio Zoido.

No momento de sua prisão, Quezada, que tem 43 anos e é da República Dominicana, gritou: “Não fui eu! Peguei o carro nessa manhã!”, relataram testemunhas que estavam perto do local.

Gabriel desapareceu quando saiu da casa da avó, onde passava férias, para ir à de outros parentes, a poucos metros de distância, em Las Hortichuelas, uma comunidade turística na cidade de Níjar. Desde então, o caso vinha sendo amplamente divulgado e mobilizou policiais, bombeiros e voluntários nas buscas.

A descoberta da morte e as circunstâncias em torno do caso causaram enorme comoção na Espanha. O premiê Mariano Rajoy lamentou o ocorrido por meio de sua conta no Twitter. “Compartilho com todos os espanhóis a dor pela perda de Gabriel. Descanse em paz”, escreveu.

Camiseta da desconfiança

Quezada foi parada pela polícia enquanto dirigia perto de La Puebla de Vícar, a 43 quilômetros de Níjar, cidade no sudeste do país onde Gabriel desapareceu.

A polícia investigava a mulher desde o dia 3 de março. Naquela data, ela informou às autoridades ter encontrado uma camiseta do garoto em um local onde já haviam sido feitas buscas. A roupa estava limpa e seca, apesar de ter chovido nos dias anteriores, o que também gerou desconfiança.

Segundo a imprensa local, os investigadores jogaram uma isca para ver se a suspeita caía – e deu certo.

Eles lhe disseram que a polícia estava perto de encontrar o lugar onde estava o corpo de Gabriel. Ela então tratou de ir até o local remover o cadáver. Policiais à paisana a fotografaram tirando o corpo de uma vala, o envolvendo em uma manta e o colocando no porta-malas do carro.

Segundo o jornal espanhol El País, a autópsia concluiu que o menino foi estrangulado.

Novas suspeitas

Na investigação sobre Quezada, uma história do passado dela veio à tona e levantou a suspeita de que possa ter cometido um infanticídio em 1996, desta vez de sua própria filha.

A menina, que tinha 4 anos, morreu ao cair da varanda do apartamento. Na investigação feita à época, a polícia concluiu que havia sido um acidente. O caso agora foi reaberto.

Quezada e o pai de Gabriel, Ángel David Cruz, namoravam havia um ano e meio.

A prisão dela causou indignação, já que durante as buscas pelo menino ela deu entrevistas dizendo que seu desejo era que ele fosse encontrado são e salvo.

A suspeita chegou a contar que havia ensinado o menino a desconfiar de estranhos. “‘Se alguma vez você vir um desconhecido, corra, não fique parado’, foi o que eu e a avó dele lhe dissemos”, declarou.

Ela chegou a postar no Facebook uma foto de Gabriel com um pedido: “Por favor, por favor, devolvam nosso Gabrielillo“.

Primeiro suspeito

A primeira suspeita dos pais de Gabriel sobre quem poderia ter levado o menino recaíram sobre um homem acusado de assediar Patricia Ramirez, mãe do menino.

O suspeito de assédio era alvo de restrições judiciais para evitar que chegasse perto dela. O dispositivo eletrônico que ele usava para ser monitorado emitiu um alerta bem no dia do sumiço do menino.

O suspeito foi então detido para a investigação, mas logo foi descartada sua participação no desaparecimento do garoto.

Ciberia // BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA:

1 milhão de planetas habitáveis poderiam orbitar um buraco negro

De acordo com o astrofísico Sean Raymond, do Observatório de Bordéus, na França, um buraco negro supermaciço poderia, teoricamente, ter até 1 milhão de planetas potencialmente capazes de suportar vida orbitando suas proximidades.  Raymond calculou a …

Misterioso código 3D com que os incas se comunicavam é revelado

O Império Inca (1400-1532 dC) é uma das poucas civilizações antigas que falava em múltiplas dimensões. Em vez de palavras ou pictogramas, os incas utilizavam dispositivos de corda com nós, o quipo, para comunicarem complexas …

Cientistas descobrem como a água flui do sangue em direção ao cérebro

https://vimeo.com/275035420 A água não chega ao cérebro da maneira que pensávamos. Até agora, acreditava-se que a osmose regulava a forma como a água penetra o cérebro, mas o transporte de água osmótica não é suficiente para …

Mistério do animal que parecia um lobo é desvendado

O mistério chegou ao fim. Os resultados de DNA revelaram que o animal abatido em maio não é um lobo híbrido nem um lobisomem. Um fazendeiro, no estado de Montana, nos Estados Unidos, disparou sobre um …

Vício em videogame agora é um transtorno mental

A Organização Mundial de Saúde reconheceu na segunda-feira (18) o vício em videogame como um transtorno de saúde mental. Os gamers dormem pouco, pulam refeições e faltam ao trabalho. Para os peritos de classificação de doenças …

Novo estudo explica o que matou Bobby Kennedy

Robert F. Kennedy, senador e procurador-geral dos EUA, foi mortalmente baleado há precisamente 50 anos. Desde então, teorias sobre sua morte têm se multiplicado, mas um novo estudo – baseado nos cuidados médicos que recebeu …

Portugal é pressionado por Marrocos, mas vence com gol de Cristiano Ronaldo

Se Portugal for longe na Copa do Mundo, o país deverá agradecer a Cristiano Ronaldo. Nesta quarta-feira (20), logo no início do jogo, aos 4 minutos, CR7 mostrou vontade de fazer história e marcou de …

Ministro do Esporte: assédio a mulher na Rússia envergonhou o Brasil

O ministro do Esporte, Leandro Cruz da Silva, condenou nesta quarta-feira (20) o comportamento do grupo de brasileiros registrados, em vídeo, assediando uma mulher durante as comemorações da Copa do Mundo, na Rússia. O repúdio do …

Notícias falsas podem colocar as eleições em risco

A produção e a divulgação de notícias falsas, as chamadas fake news, podem colocar em risco o processo democrático, a ponto de resultarem na anulação de algum pleito, caso tenham influenciado significativamente o resultado final. A …

Homens em vídeo polêmico com mulher russa podem responder por crime no país

Brasileiros que aparecem em vídeos machistas podem responder por crime ainda na Rússia, onde foram gravadas as imagens. A jurista russa Alyona Popova fez uma denúncia e escreveu uma petição contra os atos por violência …