Ex-espiã russa revela segredos de sua carreira na América Latina

Ex-agente secreta russa que atuou por quase 30 anos na América Latina conta detalhes da sua vida clandestina nas vésperas do Dia Internacional da Mulher.

Pela primeira vez na história da Rússia contemporânea, em janeiro de 2020 o serviço de inteligência russo publicou o nome de sete ex-agentes de inteligência que atuavam ilegalmente no estrangeiro.

A Sputnik Mundo conversou com a coronel aposentada Tamara Netyksa, que contou detalhes de sua atividade como agente ilegal na América Latina entre 1978 e 1998.

A oficial revelou que durante os 20 anos que passou no continente americano só falava em idioma espanhol com seus filhos e seu marido, o agente secreto Vitaly Netiksa. “Enquanto trabalhamos no estrangeiro, Vitaly e eu não pronunciamos nenhuma palavra em russo sequer”, assegura a ex-agente secreta.

Netyska recorda, no entanto, que uma vez, logo no início da sua carreira, disse uma frase em russo sem se dar conta, quando morava com uma família latino-americana. “Foi a única vez na minha vida que, antes de dormir, ao invés de falar em espanhol ‘buenas notches’, disse em russo ‘spokoinoi nochi’. Mas não aconteceu nada, ninguém percebeu“, revelou.

A coronel aposentada acredita que o incidente contribuiu para que ela nunca mais cometesse o mesmo erro, o que a incentivou a não falar russo em nenhuma ocasião, nem quando estava sozinha com seu marido.

Ao recordar as dificuldades da vida de espiã clandestina, Netyska lembra a impossibilidade de cozinhar pratos russos, mesmo em dias de festa, para que seus filhos e amigos não suspeitassem da sua real identidade.

Ela conta como seus filhos finalmente conheceram o borsch, uma sopa de beterraba tradicional russa. “Tinha uma família que morava no nosso prédio, que todos achavam que era da Rússia, apesar de eles não saberem nenhuma palavra em russo. A esposa cozinhava borsch, e um dia trouxe um pouco para nós provarmos“, contou.

A filha de Netyska adorou a sopa, apesar de que “estava fria”, e passou a pedir para sua mãe que a preparasse. Assim, Netyska passou a preparar esse prato tradicional russo. Caso alguém perguntasse por que o fazia, ela dizia que havia aprendido a receita com sua vizinha.

Nada pode ser considerado de pouca importância no nosso trabalho, assim, a esposa [de um espião] deve ser capacitada em todos os assuntos de inteligência ilegal”, explicou Netiska.

A ex-oficial conta que ela era a responsável por muitos aspectos da segurança do casal, era encarregada de estabelecer relações com os vizinhos, zeladores e vendedores locais.

Ela revela que uma jovem espiã deve “manter-se atraente” e conta que foi cortejada por muitos homens latino-americanos. “Claro que eu chamava a atenção, e houve ocasiões em que [homens] declaravam seu amor, mas que isso representasse algum obstáculo, não, isso nunca aconteceu”, assegurou.

Além da aparência, uma jovem que decida seguir o seu exemplo deve sentir um amor verdadeiro pelo seu país, acredita Netiska.

Para ela, “dominar um idioma na perfeição não é o suficiente”, acrescentando que “com isso o máximo que se pode fazer é viajar ao exterior como turista”.

“Também recomendaria que as jovens façam tudo para ampliar os seus horizontes, elevar o seu nível cultural, aprofundar os seus conhecimentos […] Um agente secreto precisa saber muito, caso contrário está fadado ao fracasso”, ressaltou.

Tamara Netyska nasceu em 1949 e foi casada com Vitaly Netyksa, condecorado Herói da Rússia e já falecido.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …