Hackers ameaçam revelar “a verdade” sobre o 11 de setembro

O grupo de hackers The Dark Overlord ameaçou divulgar milhares de documentos “secretos” roubados de seguradoras e agências do governo norte-americano. Segundo alegam, os arquivos revelam “a verdade” sobre o 11 de setembro – a menos que sejam pagos (em bitcoin) para não divulgarem o material.

The Dark Overlord é um “grupo profissional de ameaças de adversários” conhecido por ataques informáticos à plataforma de streaming Netflix, a clínicas de cirurgia informática, assim como a outros alvos sensíveis.

Recentemente, o grupo compartilhou um link para um arquivo criptografado de 10GB, contendo, supostamente, documentos relacionados com o litígio dos atentados do 11 de setembro. A organização ameaça divulgar as chaves de desencriptação caso seus pedidos não sejam atendidos.

Através de um tuíte, que foi apagado da rede social, o grupo de hackers alega que os documentos contam a verdadeira história do que aconteceu. “Vamos dar muitas respostas sobre as conspirações do 9/11 através da divulgação dos nossos 18 mil documentos secretos”.

Segundo noticia a Russia Today, o grupo publicou um teaser sobre os alegados documentos, que consistem em cartas, e-mails e outros arquivos que mencionam escritórios de advocacia, a Administração de Segurança de Transportes e a Administração Federal de Aviação, com a promessa de que mais estaria por vir.

O grupo alega ter “hackeado” não só documentos de grandes seguradoras globais como a Lloyds of London e a Hiscox, mas também da Silverstein Properties, proprietária do complexo World Trade Center, e de várias agências governamentais.

O material, que supostamente inclui documentos confidenciais do governo que deveriam ter sido destruídos, mas que foram retidos por firmas de advocacia, revela, supostamente, “a verdade sobre um dos incidentes mais reconhecidos na história recente e que é envolto em mistério com pouca transparência e poucas respostas”.

Qualquer pessoa que tenha medo de ser identificado nos alegados documentos pode ver seus nomes serem retirados da documentação, caso paguem por isso, ainda podia-se ler no anúncio publicado na segunda-feira.

Em igual sentido, as “organizações terroristas” e os “estados-nação adversários dos Estados Unidos” também têm direito de retratar uma alegada menção, se pagarem por isso.

As seguradoras, escreveram os hackers, também podem pagar um resgate ainda não especificado em bitcoin – ou, caso contrário, o grupo promete “enterrá-los” com os documentos.

Alguns dos documentos foram conseguidos através de um “hack” a um escritório de advocacia associado à Hiscox em abril de 2018. A empresa reconhece que podem ter sido expostos 1.500 dos seus detentores de apólices comerciais nos Estados Unidos.

Dark Overlord afirma que, enquanto o resgate relativo ao “hack” anterior foi pago, a vítima violou o “acordo” ao cooperarar com a aplicação da lei, necessitando de mais extorsão.

O grupo emergiu em 2016 invadindo informação de centros médicos, anunciando que iria vender os dados roubados na deep web, forçando assim os visados a pagar pela sua remoção. O grupo conseguiu também divulgar uma temporada inteira da série Orange is the New Black, da Netflix, no ano passado.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ebrahim Raisi

Irã anuncia retomada de negociações sobre acordo nuclear

Conversas sobre salvação do pacto assinado em 2015 estão paralisadas desde a eleição do novo presidente iraniano, o ultraconservador Ebrahim Raisi, gerando preocupação internacional. O Irã anunciou nesta quarta-feira (27/10) que vai retomar até o final …

Polônia é multada em € 1 milhão por dia por desobedecer decisão judicial da UE

A Polônia foi condenada nesta quarta-feira (27) a pagar para a Comissão Europeia, órgão Executivo do bloco, uma multa diária de € 1 milhão por não ter encerrado as atividades da câmara disciplinar da …

Startup ajuda pequenas empresas a monitorarem vacinação dos funcionários

A startup brasileira White Tents lançou uma versão em formato freemium — isto é, gratuita mas com alguns recursos pagos — de sua plataforma digital para pequenas empresas que queiram monitorar a vacinação de até …

Argentina vacinará brasileiros na região de fronteira e turistas estrangeiros menores de 18 anos

O governo argentino anunciou uma nova flexibilização para a entrada de estrangeiros no país, a vacinação de turistas menores de 18 anos e de cidadãos de países vizinhos que atravessarem a fronteira por via …

CPI da Pandemia conclui trabalhos e pede o indiciamento de Bolsonaro

Senadores aprovam relatório sobre atuação do governo na crise do coronavírus que propõe punição de 78 pessoas e duas empresas, após seis meses de depoimentos, coleta de provas e repercussão na mídia. A CPI da Pandemia …

Sinais de possível 1º exoplaneta fora da Via Láctea são detectados

Pela primeira vez na história, é possível que os cientistas tenham descoberto um planeta em outra galáxia. O possível exoplaneta recebeu o nome de M51-ULS-1 e se encontra a 28 milhões de anos-luz de distância na …

China vai vacinar crianças a partir de três anos contra a covid-19

Imunizantes aprovados são das farmacêuticas chinesas Sinopharm e Sinovac, fabricante da Coronavac. País será um dos primeiros a começar a vacinar essa faixa etária. No total, China já vacinou 76% da população. Ao menos cinco províncias …

"Bolsonaro ignora todas as necessidades culturais dos brasileiros", diz Gilberto Gil à revista Télérama

A imprensa francesa desta segunda-feira (25) destaca o show de Gilberto Gil nesta noite na Filarmônica de Paris. O músico brasileiro conversou com o jornal Le Monde e com a revista Télérama. "Gilberto Gil", embaixador …

"Peças extraordinárias" achadas na Indonésia podem ser da lendária "ilha do Ouro"

Tesouros no valor de milhões de dólares encontrados nos últimos cinco anos ao longo do rio Musi podem ser do antigo império malaio Serivijaia, na ilha de Sumatra, que por 300 anos dominou as rotas …

Pandemia de Covid-19 vai acabar "quando o mundo decidir acabar com ela", diz diretor da OMS

A pandemia de Covid-19 vai acabar "quando o mundo decidir acabar com ela", disse neste domingo (24) o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Ghebreyesus. O representante da ONU discursou na abertura …