Jovem desaparecida em Florianópolis foi presa na Itália

(dr)

Amanda Refatti Viezzer não conversava com a família desde a manhã de sábado

Uma brasileira de 19 anos, moradora de Florianópolis, foi presa na Itália por tentar entrar no país europeu com 3,2 quilos de cocaína, informaram nesta sexta-feira (28) a Polícia Federal no território italiano e a Polícia Civil de Santa Catarina.

A jovem Amanda Refatti Viezzer, 19 anos, moradora de Florianópolis (SC), está presa em Roma, segundo uma agente da Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas de Santa Catarina. Ela teria transportado cerca de 3,2 quilos de cocaína para a Itália.

Amanda estava desaparecida desde sábado (22), depois de embarcar no aeroporto de Guarulhos (SP) com destino à Itália. Ela só foi localizada pela família na manhã de terça-feira (25), quando estaria detida na imigração.

De acordo com as autoridades, citadas pela agência ANSA, Amanda Refatti Viezzer foi detida na imigração do aeroporto de Roma transportando a droga, que estava escondida em um fundo falso de sua mala. Ela foi encaminhada para a penitenciária de Civitavecchia, na mesma região.

Amanda pode responder por tráfico internacional de drogas que, em caso de condenação, tem pena prevista de dois a seis anos. A jovem, segundo a família, teria viajado à Itália para fazer curso de idioma para se tornar piloto de avião.

(dr)

A jovem é comissária de bordo e estudante de pilotagem de voo e só foi localizada na terça-feira

O advogado de defesa da gaúcha, João Francisco Neto, disse, que de acordo com provas, há outras pessoas envolvidas. A suspeita é que a jovem tenha sido aliciada para realizar o tráfico do entorpecente.

Segundo Neto, ela é vítima da situação. No entanto, poderá responder por tráfico internacional de drogas, o que pode acarretar em penas de dois a seis anos de prisão.

Amanda vive com sua mãe, Michele Refatti, e irmão em Florianópolis e estava desaparecida desde o último sábado (22), quando embarcou do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, para a Itália, onde estudaria o idioma. A jovem é comissária de bordo e estudante de pilotagem de voo e só foi localizada na terça-feira (25).

A Polícia Civil de SC alerta os pais para que fiquem atentos a viagens internacionais inesperadas e com muitos benefícios. Ela cita que, no ano passado, foram pelo menos três jovens catarinenses detidos no Exterior em situação semelhante.

O Ministério das Relações Exteriores informou, em nota, que o Consulado do Brasil em Roma estava acompanhando o caso e prestou “a assistência consular cabível”.

Nesta sexta-feira, o Itamaraty afirmou, também em nota, que “em respeito à privacidade da nacional não serão fornecidas informações de cunho pessoal sobre o caso“. A Polícia Federal não passou informações sobre a situação da jovem.

Ciberia // ANSA

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Dor nos olhos após COVID-19: cientistas explicam causa de complicação inesperada do vírus

Uma pesquisa de cientistas alemães mostrou que o coronavírus pode penetrar nos olhos e infectar os fotorreceptores e células ganglionares na retina. Isso pode ser uma causa de problemas com os olhos após a COVID-19. Os …

Estudo mostra como mudanças climáticas afetarão a energia hidrelétrica no Brasil

Um novo relatório publicado pela Global Environmental Change revela que, nas próximas décadas, as reduções de precipitação e vazão dos rios na região amazônica — a maior bacia hidrográfica do mundo e uma forte candidata …

Merkel é premiada por compromisso com a União Europeia

"Somente uma Europa unida é uma Europa forte", diz a líder alemã ao receber o prêmio Carlos 5º. Rei espanhol destaca pragmatismo e confiabilidade da chanceler federal, descrevendo-a como uma "mulher extraordinária". Prestes a deixar o …

França: crianças pobres são ainda mais vulneráveis à poluição do ar, aponta relatório

O Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) e a rede mundial Climate Action Network International, que reúne associações que lutam contra o aquecimento global, divulgaram, nesta quinta-feira (14), o relatório "Injustiça social …

'Love is in the Bin': a obra semidestruída de Banksy vendida a R$ 121 milhões em leilão

Uma obra de arte de Banksy que se autodestruiu parcialmente em um leilão anterior foi arrematada agora a um preço recorde de 16 milhões de libras (cerca de R$ 121 milhões). Love is in the Bin …

EUA tentam virar a página da era Trump e voltam ao Conselho de Direitos Humanos da ONU

Os Estados Unidos voltaram, nesta quinta-feira, ao Conselho de Direitos Humanos da ONU, órgão que o país havia deixado durante o mandato de Donald Trump. O retorno mostra a vontade de Washington de fazer …

Explosões deixam vários mortos em mesquita no Afeganistão

Ao menos 33 pessoas morrem após explosões em mesquita xiita durante a oração de sexta-feira. Testemunha diz ter visto homens-bomba. Incidente ocorre dias depois de ataque do "Estado Islâmico" contra xiitas no país. Fortes explosões atingiram …

Vênus tinha oceanos? Cientistas refutam hipótese popular usando modelagem

Cientistas da Suíça e França refutaram a hipótese de que anteriormente Vênus era coberta por oceanos. Um novo estudo revela que mesmo no início, quando o Sol era mais fraco do que agora, a superfície …

Suspeito de ataque na Noruega era fichado na polícia por radicalização

Convertido ao islã e conhecido da polícia, dinamarquês de 37 anos teria usado outras armas além de arco e flecha em ataque que matou cinco pessoas em Kongsberg. Ele está preso e reconheceu envolvimento no …

Oposição manobra para destituir Piñera no Chile por citação nos Pandora Papers

Deputados de todos os partidos da oposição chilena apresentaram uma acusação no Congresso nesta quarta-feira (13) para destituir o presidente Sebastián Piñera pela controversa venda de uma mineradora em um paraíso fiscal, revelada no escândalo …