À passos lentos: Fachin aguarda decisão do plenário do STF para enviar denúncia contra Temer à Câmara

Antonio Cruz / ABr

O presidente Michel Temer

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin decidiu nesta quinta-feira (14) que vai aguardar a decisão da Corte sobre a suspensão da denúncia contra o presidente Michel Temer e integrantes do PMDB para enviar o caso para a Câmara dos Deputados, conforme determina a Constituição.

A decisão coincide que o desejo da defesa do presidente Temer, que protocolou no Supremo pedido para que o ministro suspendesse o envio até a próxima quarta-feira (20), quando a Corte vai retomar o julgamento, iniciado nesta semana, que analisa a possibilidade de suspender a apresentação de denúncia contra o presidente da República baseada nas provas obtidas por meio da delação dos executivos da J&F.

Para o advogado de Temer, Antônio Cláudio Mariz, as suspeitas de que o ex-procurador da República Marcello Miller teria beneficiado os delatores da J&F, fato que motivou abertura de processo de revisão da delação premiada dos executivos da empresa, justifica cautela no prosseguimento das investigações e a suspensão da eventual denúncia.

Na denúncia enviada hoje ao STF, Janot acusa Temer dos crimes de organização criminosa e obstrução de Justiça.

Para o procurador, Temer e políticos do PMDB, que também constam na denúncia, participaram de um suposto esquema de corrupção envolvendo integrantes do partido na Câmara dos Deputados com objetivo de obter vantagens indevidas em órgãos da administração.

Tramitação

Com a chegada da denúncia ao STF, a Câmara dos Deputados precisará fazer outra votação para decidir sobre a autorização prévia para o prosseguimento do processo na Suprema Corte.

O Supremo não poderá analisar a questão antes de uma decisão prévia da Câmara. De acordo com a Constituição, a denúncia apresentada contra Temer somente poderá ser analisada após a aceitação de 342 deputados, o equivalente a dois terços do número de deputados.

A autorização prévia para processar o presidente da República está prevista na Constituição. A regra está no Artigo 86: “Admitida a acusação contra o presidente da República, por dois terços da Câmara dos Deputados, será ele submetido a julgamento perante o Supremo Tribunal Federal, nas infrações penais comuns, ou perante o Senado Federal, nos crimes de responsabilidade”.

O prosseguimento da primeira denúncia apresentada pela PGR contra o presidente pelo suposto crime de corrupção não foi autorizada pela Câmara. A acusação estava baseada nas investigações iniciadas a partir do acordo de delação premiada de executivos da J&F.

O áudio da conversa gravada pelo empresário Joesley Batista também foi uma das provas usadas no processo.

Ciberia // Agência Brasil

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Bill Gates vai financiar sete pesquisas de vacina contra COVID-19

Bill Gates, o fundador, ex-CEO e atual filantropo, anunciou durante entrevista no talk show norte-americano Daily Show With Trevor Noah que, por meio de sua própria fundação, estará financiando sete pesquisas clínicas que buscam descobrir …

Bolsonaro é denunciado no TPI por “crime contra a humanidade”

A Associação Brasileira de Juristas pela Democracia (ABJD) denunciou o presidente Jair Bolsonaro por crime contra a humanidade no Tribunal Penal Internacional.  A denúncia foi protocolada nesta quinta-feira (2) na corte de Haia. Segundo …

O primeiro ‘autor’ do mundo era uma mulher

Enheduanna viveu no século 23 antes da nossa era na Mesopotâmia. Princesa, sacerdotisa e poeta, ela pode se orgulhar de ter sido a primeira autora do mundo a ter seu nome conhecido em uma época …

Maduro envia carta ao povo dos EUA pedindo "cessação das sanções"

Nicolás Maduro enviou uma carta ao povo dos Estados Unidos expressando uma mensagem de solidariedade e paz, e pedindo fim das ameaças militares e das sanções contra Venezuela. No documento, o chefe de Estado venezuelano exprime …

Governo dos EUA alerta população para novo "11 de Setembro" devido à covid-19

Chefe da Saúde Pública do país prevê que próxima semana será "a mais difícil e mais triste da vida da maioria dos americanos". Ele compara repercussão a dois dos maiores traumas da história dos Estados …

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

IA sincronizada com música cria rostos falsos, o resultado pode se aterrorizante

As pessoas ainda aprendem a melhor forma de empregar as redes neurais artificiais, aprendizado de máquina e avanços em inteligência artificial. Entre as pesquisas práticas há a busca por empregar essas técnicas de forma a …

Coronavírus: 92% das mães nas favelas dizem que faltará comida após um mês de isolamento

"Muitas pessoas entraram na linha de pobreza da noite para o dia. O casal que trabalhava no shopping na semana retrasada, que recebia por semana, fez a compra da semana passada e nesta semana já …

Dois anos após mortes de Marielle e Anderson, Anistia Internacional cobra identificação de mandantes

Dois anos após os assassinatos da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) e do motorista Anderson Gomes, em 14 de março de 2018, o crime permanece sem solução e ilustra a impunidade no combate à violência …

Coronavírus poderia ser a 1ª de muitas outras pandemias futuras, adverte cientista

Apesar do registro de mais de um milhão de infectados à escala mundial, a doença poderia ser suplantada por patologias bem mais perigosas. Comparando com as doenças que poderiam reaparecer como resultado do aquecimento global, o …