Petrobras baixa preço da gasolina, mas consumidor não sentirá no bolso

Renato Araújo / ABr

-

Queda do preço da gasolina, decidida ontem pela Petrobras, pode não ser sentida imediatamente pelo consumidor do Rio. Isso porque os postos de combustíveis da cidade vão esperar as distribuidoras repassarem a redução de 3,2% anunciada ontem pela estatal no valor nas refinarias.

O preço do diesel também baixará 2,7% a partir de hoje. A petroleira estima queda de média de R$0,05 por litro dos combustíveis para os motoristas. A última vez que a estatal baixou o preço foi em junho de 2009.

A presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes e de Lojas de Conveniência do Município do Rio (Sindcomb), Maria Aparecida Siuffo, diz que a queda de preços nas bombas depende do que for repassado pelas distribuidoras. Ou seja, se elas reduzirem preços, conforme foi anunciado pela Petrobras.

“Não posso precisar o repasse porque dependemos da distribuição. Mas se o preço nas distribuidoras caírem, nós reduziremos o preço na bomba”, garante. Já o Sindicom, sindicato das distribuidoras, limitou-se a informar ao DIA, em nota, que “enquanto entidade/sindicato não tem ingerência neste assunto”.

Mas, ao contrário do Rio, os consumidores de São Paulo vão pagar menos pela gasolina. Lá, o preço deve cair R$0,03 na bomba, menos do que a estatal projeta para o consumidor, pelos cálculos do Sindicato dos Postos de Combustíveis de São Paulo (Sincopetro).

Mesmo que os postos repassem aos motoristas a queda de preços, o efeito será bem pequeno, avalia Adriano Pires, diretor do Centro Brasileiro de Infra Estrutura (CBIE). “Como a redução na refinaria é pequena, o natural é que o preço baixe pouco na bomba também. Para o consumidor, quase nada muda”, afirma.

Em caso de repasse, Pires prevê impacto ainda menor no bolso do que a Petrobras projetou. Segundo ele, a redução no preço da gasolina deve ficar em torno de 1%, o que representaria menos de R$ 0,04 por litro.

Da refinaria até o posto, o preço dos combustíveis é influenciado por diversos fatores, como valor do etanol, dos custos de distribuição e de revenda, e os tributos estadual (ICMS) e federais (Cide e PIS/Cofins). Por isso, chega com queda bem mais baixa nas bombas.

O presidente da estatal, Pedro Parente, garantiu que as motivações para a revisão dos preços foram empresariais e afastou qualquer interferência política na decisão. Ele disse ter informado ao presidente da República, Michel Temer, que uma política de preços estava sendo elaborada, mas que não foi indicado ao governo se os preços deveriam cair ou aumentar.

Redução terá impacto na inflação

Para o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, a decisão da Petrobras em reduzir os preços da gasolina e do diesel é positiva para a inflação e reflete a nova política da companhia. Segundo ele, não houve interferência do governo federal na decisão da estatal.

“O que nós temos enfatizado é que a mudança no preço da gasolina é uma decisão da Petrobras. É uma grande mudança que os preços dos combustíveis deixaram de ser definidos pelo Executivo tendo em vista alguns objetivos outros de política econômica”, diz.

“Não há dúvidas de que nesse caso a decisão é favorável do ponto de vista da inflação, mas isso é uma decisão clara da Petrobras e autônoma”, disse o ministro. E complementa: “A Petrobras tem que seguir sua política de empresa que tem responsabilidade com seus acionistas e com o país, sendo viável e que cumpre suas obrigações”.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Inclinação de Saturno pode ser explicada pela migração de suas luas; entenda

Em um novo estudo, cientistas do French National Centre for Scientific Research (CNRS) e da Sorbonne University perceberam que a inclinação de Saturno pode ser causada pela influência da migração de suas luas — principalmente …

A verdade sobre as pessoas que "ouvem" os mortos: estudo

Cientistas identificaram os traços que podem tornar uma pessoa mais propensa a afirmar que ouve as vozes dos mortos. De acordo com novas pesquisas, uma predisposição a altos níveis de absorção em tarefas, experiências auditivas incomuns …

OMS diz não ter conhecimento de mortes relacionadas ao uso da vacina da Pfizer

A OMS não tem conhecimento de qualquer morte relacionada ao uso da vacina contra a COVID-19 produzida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech, disse hoje (20) a diretora-geral adjunta da organização, a brasileira Mariângela Simão. "Temos uma …

QAnon ganha cada vez mais força na Alemanha

O ataque ao Capitólio nos EUA ilustrou o perigo que teorias da conspiração podem representar. Na Alemanha, o movimento tem cada vez mais adeptos – que se mantêm fiéis ao agora ex-presidente americano Donald Trump. A …

Coronavírus em Manaus: "Meu irmão morreu de covid em hospital particular, e a conta é de R$ 180 mil"

A tragédia familiar vivida pelo advogado Amaury Andreoletti ilustra o impacto emocional e também financeiro do colapso no sistema de saúde de Manaus (AM). Andreoletti, que chegou a ficar quatro dias internado e se recuperou, viu …

Biden reverte medidas de Trump e volta ao Acordo do Clima de Paris; entidades comemoram

Horas depois de assumir a Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cumpriu a promessa de reverter uma série de medidas tomadas pelo antecessor, Donald Trump. No total, foram 17 decretos assinados …

Avião com vacinas contra covid-19 entra em rota de colisão com jato após curva errada

  Essa foi por pouco! Na manhã desta terça-feira (19), um avião monomotor com vacinas contra a covid-19 a bordo fez uma curva errada após a decolagem, e acabou entrando em rota de colisão com um …

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …

Covid-19: Brasil deve enfrentar pior fase da pandemia nas próximas semanas

Nos últimos dias, a pandemia no Brasil foi marcada por imagens de dor e de esperança. De um lado, a falta de oxigênio em Manaus mostrou a tragédia causada pela falta de coordenação contra a …