Primeiro pulmão criado em laboratório implantado com sucesso em animais

The University of Texas

Biorreator usado para o crescimento do órgão artificial – o pulmão aparece na cor vermelha, dentro do reator

Pulmões artificiais de animais foram fabricados e implantados com sucesso em porcos, como parte dos testes pré-clínicos padrão em humanos.

Os cientistas Joan Nichols e Joaquin Cortiella, da Universidade do Texas, nos EUA, foram os primeiros a desenvolver pulmões humanos em laboratório, feitos com técnicas de bioengenharia.

Segundo os autores da pesquisa, em menos de cinco anos, o mesmo procedimento poderá ser aplicado a humanos sem qualquer risco de vida. Os resultados da pesquisa foram publicados em agosto na revista Science Translational Medicine.

“O número de pessoas com lesões pulmonares graves aumentou em todo o mundo, enquanto o número de órgãos transplantáveis disponíveis diminuiu. Nosso objetivo final é eventualmente fornecer novas opções para as muitas pessoas que esperam por um transplante”, explica Joan Nichols.

Para criar um pulmão manipulado por bioengenharia, é necessário um suporte que atenda às necessidades estruturais do órgão. Esse suporte foi criado pelos cientistas a partir do pulmão de um animal.

O pulmão foi tratado usando uma mistura especial de açúcar e detergente para eliminar todas as células, incluindo as de sangue, deixando apenas a estrutura de proteínas – o “esqueleto” do pulmão.

As células usadas para produzir cada pulmão vieram de um pulmão removido de cada um dos animais do estudo, produzindo órgãos adequados para cada animal.

Para isso, a estrutura do pulmão obtida na primeira etapa foi colocada em um biorreator, um tanque contendo um coquetel de nutrientes cuidadosamente misturados, além das células do próprio animal. Os pulmões foram cultivados no biorreator por 30 dias antes do transplante.

Todos os animais que receberam o pulmão de bioengenharia permaneceram saudáveis, mas foram sacrificados – 10 horas, duas semanas, um mês e dois meses após o transplante, para permitir que a equipe examinasse o desenvolvimento do tecido pulmonar após o transplante e como o pulmão artificial se integra ao corpo.

O estudo do tecido pulmonar obtido permitiu concluir que o pulmão de bioengenharia estabeleceu a rede de vasos sanguíneos necessários para sobreviver após as duas semanas. “Não observamos sinais de edema pulmonar, o que geralmente é um sinal de que a vasculatura não está madura o suficiente,” escreveram Nichols e Cortiella.

“Os pulmões manipulados por bioengenharia continuaram a se desenvolver após o transplante sem qualquer infusão de fatores de crescimento. O corpo forneceu todos os blocos de construção que os novos pulmões precisavam.”

Após estes resultados positivos, os testes futuros irão analisar a sobrevivência a longo prazo, a maturação dos tecidos e a capacidade de troca gasosa.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …

Covid-19: Brasil deve enfrentar pior fase da pandemia nas próximas semanas

Nos últimos dias, a pandemia no Brasil foi marcada por imagens de dor e de esperança. De um lado, a falta de oxigênio em Manaus mostrou a tragédia causada pela falta de coordenação contra a …

Após meses, Jack Ma reaparece publicamente via vídeo em evento no interior da China

Sem aparecer publicamente desde o fim de outubro de 2020, Jack Ma faz sua primeira aparição em evento de bem-estar social para professores em área rural da China. O bilionário cofundador do grupo Alibaba, gigante do …

Donald Trump perdoa Steve Bannon e outros aliados

Nas suas últimas horas no cargo, o presidente dos EUA concede perdão a vários aliados e também políticos condenados por corrupção. Entre os perdoados está seu ex-estrategista-chefe. O presidente dos EUA, Donald Trump, usou suas últimas …

Máscara com nariz de fora rende eliminação de exame e prisão de candidato

Um homem de 49 anos foi preso no Japão após se recusar a utilizar corretamente uma máscara facial durante um exame de admissão para faculdade. Ele foi desqualificado da prova e acabou tomando as notícias …

Esconderijo moedas de ouro medievais são descobertas em uma fazenda na Hungria

No século XVI, um ataque do Império Otomano pode ter levado húngaros em pânico a enterrar um estoque de valiosas moedas de prata e ouro. Agora, arqueólogos descobriram este tesouro enterrado em uma fazenda moderna …

Vacina covid-19. As respostas para as 10 perguntas mais procuradas sobre vacinação nas últimas 24 horas

A aprovação da CoronaVac (Sinovac/Instituto Butantan) e da CoviShield (FioCruz/Universidade de Oxford/AstraZeneca) representou um enorme avanço para conter a pandemia de covid-19, que já vitimou quase 210 mil brasileiros. Essas duas vacinas são as primeiras …

Satélites Starlink agora são invisíveis a olho nu, mas não para telescópios

Quando a SpaceX lançou as primeiras 60 unidades da rede Starlink em maio de 2019, a comunidade científica expressou preocupações, prevendo que as observações astronômicas seriam afetadas pelo brilho das unidades que compõe a constelação …

Sites de Apostas Legalizados no Brasil: fique atento

Com o crescimento dos sites de apostas esportivas, é preciso ficar atento a quais deles atuam de maneira legal no mercado e quais estão trabalhando ilegalmente. Infelizmente, os novatos no mundo das apostas podem acabar tendo …