Trump promete acordo comercial ambicioso ao Reino Unido

Thierry Charlier / EPA

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, prometeu nesta terça-feira (04/06) ao Reino Unido “um ambicioso acordo comercial” após a saída britânica da União Europeia (UE), prevista para o próximo dia 31 de outubro.

A promessa foi feita após uma reunião entre o mandatário americano e a primeira-ministra Theresa May, em Londres. “Agora que o Reino Unido está se preparando para sair da União Europeia, os Estados Unidos estão empenhados em alcançar um acordo comercial fenomenal com o Reino Unido. Há um tremendo potencial”, afirmou Trump, em entrevista coletiva ao término de uma reunião com May.

O Brexit continua num impasse devido à falta de um consenso no Parlamento britânico sobre o acordo de saída com a UE. A visita de Trump ao Reino Unido ocorre poucos dias após May anunciar que deixará o cargo dia 7 de junho, diante do fracasso de seu governo para solucionar a crise gerada pelo divórcio com a União Europeia, abrindo um processo eleitoral no seu partido para sucedê-la.

Defensor do Brexit, Trump disse que esse eventual pacto com os EUA pode ampliar “duas ou três vezes” a troca comercial atual entre os dois países, avaliada em 240 bilhões de dólares em 2018. Diante das críticas que este possível acordo gera no Reino Unido, especialmente a possível entrada dos Estados Unidos no setor sanitário britânico, a líder conservadora especificou que tal tratado “tem de ser estipulado” pelas duas partes.

May e Trump se reuniram na residência oficial da primeira-ministra, no número 10 da Downing Street, no segundo dia da visita de Estado do presidente americano ao Reino Unido, que começou na segunda-feira com encontros com a família real e um banquete oferecido pela rainha Elizabeth 2ª.

Na reunião, os líderes conversaram também sobre a crise com o Irã e a guerra comercial com a China, em particular as restrições impostas por Washington sobre a empresa de telecomunicações Huawei.

May avaliou o encontro como positivo e se mostrou otimista sobre um futuro acordo comercial bilateral. “Também tenho a certeza de que o nosso relacionamento econômico vai crescer cada vez mais, com base nas conversas que tivemos e nas ideias que ouvimos das empresas do Reino Unido e dos EUA”, acrescentou.

Na entrevista coletiva, Trump, que em outras ocasiões criticou a gestão de May, disse desta vez que a dirigente britânica deixou a negociação do Brexit “em um bom lugar”, que terá que ser continuado por seu sucessor no governo. “Você é uma grande profissional e uma pessoa que ama muito o seu país”, elogiou Trump, dirigindo-se a May.

O presidente acrescentou que, no lugar dela, teria “processado” a União Europeia para forçar a saída do Reino Unido. “Mas nunca se sabe. Ela é provavelmente uma melhor negociadora do que eu”, ironizou.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Motor nuclear projetado para NASA poderá transportar humanos para Marte em apenas 3 meses

A NASA tem como meta enviar a primeira tripulação humana para Marte em 2030, e certa inovação poderá fazer a jornada de mais de 64 milhões de quilômetros em apenas três meses, em vez de …

Imunidade ao coronavírus 'diminui rapidamente' em assintomáticos, diz estudo britânico

Um estudo britânico publicado nesta terça-feira mostra que a imunidade adquirida por pessoas curadas do novo coronavírus "diminui muito rapidamente", especialmente em pacientes assintomáticos e, em certos casos, pode durar apenas alguns meses. O trabalho …

Senado dos EUA aprova indicada de Trump para Suprema Corte

A poucos dias das eleições americanas, Amy Barrett é confirmada para a vaga por 52 votos a 48. Conservadora e católica devota, ela substitui Ruth Bader Ginsburg, uma das mais célebres figuras progressistas do tribunal. O …

NASA descobre grandes quantidades de água em cratera iluminada na Lua

Nesta segunda-feira (26), a NASA revelou os resultados de dois estudos que trouxeram novas descobertas sobre a Lua: dados obtidos pelo observatório aéreo Stratospheric Observatory for Infrared Astronomy (SOFIA) confirmam, pela primeira vez, que existe …

Ciclone no litoral brasileiro pode causar tempestades em 9 estados

Um ciclone no litoral brasileiro já está causando graves chuvas em diversas regiões do Brasil e seus impactos podem causar tempestades em 9 estados. O Instituto Nacional de Metereologia (Inmet) emitiu sinal de alerta para diversas …

Processo contra o Google nos EUA pode afetar o modo como você usa seu celular

Na última terça-feira (23), o Departamento de Justiça dos EUA entregou um "presente de Halloween" pouco agradável ao Google: um gigantesco processo antitruste, acusando a empresa de práticas que eliminam a competição nos mercados de …

Chilenos decidem a favor de nova Constituição por ampla maioria

Em plebiscito, quase 80% dos eleitores votam a favor de uma nova Carta Magna, em substituição à herdada da era Pinochet, e de que ela seja escrita por uma Assembleia Constituinte com igualdade entre mulheres …

'Vai comprar lá na Venezuela', rebate presidente a apoiador que reclamou de preço do arroz

O presidente Jair Bolsonaro rebateu neste domingo (25), durante passeio de moto por Brasília, crítica de apoiador sobre a alta do preço do arroz. No momento em que saia da Feira Permanente do Cruzeiro, região administrativa …

Espanha, Itália e França ampliam restrições em fim de semana com recorde de casos da Covid-19

Os líderes europeus intensificam as medidas de combate à pandemia do coronavírus, depois da alta de 42% de novos casos da Covid-19 em uma semana. A Itália reforçou neste domingo as medidas de restrição …

Pistachio, o cãozinho filhote que nasceu com pelo verde na Itália

O fazendeiro italiano Cristian Mallocci esperava uma ninhada normal de cachorros de sua cadelinha labradora. Entretanto, ao ver os filhotinhos que nasceram, ele percebeu que um era um pouquinho diferente. ‘Pistachio’, como foi nomeado posteriormente, …