Fim do mundo: conseguirá Terra sobreviver à explosão do Sol?

Planetas rochosos formados por elementos densos são os mundos que mais provavelmente sobreviveriam à morte explosiva de uma estrela, descobriram os astrônomos, mas o que isso significa para o futuro da Terra?

Quando uma estrela com pouca massa, como o Sol, queima o todo o seu combustível, ela expande suas camadas externas até se transformar em uma gigante vermelha. Essas camadas externas se espalham nas proximidades da estrela, ameaçando causar a completa destruição de qualquer planeta que esteja no seu caminho.

Após isso, a gigante vermelha se encolhe e transforma em uma estrela altamente densa, chamada anã branca, que irá aos poucos perdendo o calor durante trilhões de anos.

Qualquer planeta que ficar no seu caminho durante este cataclismo cósmico seria extremamente afortunado se conseguisse sobreviver. Mas existem vários planetas em particular que estão melhor adaptados para resistir a essa tempestade.

Astrônomos da Universidade de Warwick, no Reino Unido, descobriram que os pequenos planetas rochosos são os que têm mais probabilidades de sobreviver à morte explosiva de uma estrela. Esses incríveis resultados foram publicados no jornal Monthly Notices da Real Sociedade Astronômica britânica.

Os astrônomos investigaram os efeitos da morte estelar em planetas de vários tamanhos, desde os assim chamados planetas superterras até aos pequenos exoplanetas.

Dimitri Veras, do Departamento de Física do Instituto de Warwick, disse que o estudo realizado é o primeiro estudo específico dedicado à investigação dos efeitos dos fluxos entre as anãs brancas e os planetas, informa Daily Express. O que os resultados da pesquisa podem significar para a futura segurança da Terra?

Astrônomos preveem que o nosso Sol, que tem 4,6 bilhões de anos, continuará queimando as suas reservas de energia por mais 5 bilhões de anos até se transformar em uma gigante vermelha. Mas quando isso acontecer os astrônomos não estão absolutamente certos do que irá acontecer com um planeta de “multicamadas” como a nossa Terra.

Mas na sua essência os planetas uniformes constituídos majoritariamente de elementos mais densos e mais pesados, tais como metais pesados, têm boas possibilidades de sobrevivência.

Outro fator que é preciso ter em conta é a distância a que o planeta se localiza da estrela moribunda. A Terra está a 149,6 milhões de quilômetros do Sol, uma distância que é conhecida como unidade astronômica.

Os astrônomos da Universidade pensam que a distância segura até à estrela é de um terço da distância entre o Sol e Mercúrio. Mercúrio se localiza a uma distância de 57,9 milhões de quilômetros do Sol.

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: conheça a região com a maior taxa de mortalidade por Covid-19 no mundo

Mais de 12 milhões de pessoas estão contaminadas pela Covid-19 nos Estados Unidos. Mas o vírus não ataca o país de maneira equitativa. Os estados do centro assistem a uma progressão acelerada da epidemia …

Osmar Terra, negacionista da pandemia, está internado com covid-19 em UTI

O deputado federal Osmar Terra (MDB-RS), um dos maiores negacionistas da pandemia e fomentador de fake news sobre o novo coronavírus, está internado com covid-19 em um hospital em Porto Alegre. Segundo comunicado do Hospital São …

Detalhe microscópico revela segredos de retratos egípcios de 1.800 anos

Análise das partículas da tinta revelou novas informações sobre os retratos enterrados ao lado das múmias egípcias há mais de 1.800 anos. A pintura Retrato do Homem Barbudo foi feita entre 170 e 180 d.C. e …

Ação da polícia contra migrantes em Paris gera críticas

Forças de segurança desmontam de forma violenta acampamento improvisado no centro da capital francesa. Ministro do Interior diz que imagens são chocantes. Ação ocorre na véspera de votação de lei que favorece polícia. A ação da …

Pandemia gera escassez de matéria-prima e faz preços subirem no Brasil

Por três vezes ao longo do mês de outubro, Diogo Murrieta, dono da pizzaria La-Nápoles, em Belém do Pará, tentou comprar as embalagens de papelão nas quais suas pizzas são entregues aos clientes e não …

Quando as crianças dominaram o mundo: uma sociedade paralela que parece saída da ficção

Na virada do século XIX para o século XX, os jovens, aqueles que já não mais eram crianças mas ainda não haviam entrado para o mercado de trabalho e se tornado adultos, sequer eram vistos …

Sem reconhecer derrota, Trump autoriza início de transição para administração Biden

Mais de duas semanas após o anúncio da vitória de Joe Biden na eleição presidencial americana, Donald Trump autorizou nessa segunda-feira o início do processo de transição para a administração do democrata, mas não …

Os estados quânticos mais extremos são descobertos por cientistas

Pela primeira vez, físicos descobriram uma maneira de definir matematicamente o grau de quanticidade que qualquer coisa — seja partícula, átomo, molécula ou mesmo um planeta — exibe A partícula de luz é uma bola zunindo …

Itália supera a marca de 50 mil mortos por COVID-19

Primeiro país ocidental a registrar casos da doença torna-se o sexto do mundo a alcançar esta marca. País é o que mais teve mortes no continente nos últimos dias. O governo italiano informou nesta segunda-feira (23) …

Covid-19: EUA pretendem lançar campanha de vacinação em dezembro

O país, o mais atingido pela epidemia no mundo, espera vacinar sua população 24 horas após a concessão da autorização de emergência pelo FDA, a agência americana reguladora de medicamentos. A reunião pública de …