Ex-ditador da Tunísia Ben Ali morre aos 83 anos na Arábia Saudita

O ex-presidente da Tunísia Zine Ben Ali, 83 anos, morreu nesta quinta-feira. Ben Ali sofria de câncer e estava hospitalizado há uma semana, informou seu advogado Mounir Ben Salha.

O ex-ditador tunisiano vivia exilado em Jeddah com a família desde 14 de janeiro de 2011, quando foi deposto por uma rebelião popular que depois contagiou o mundo árabe. Dezenas de tunisianos morreram durante a repressão. Ben Ali e sua esposa Leila Trabelsi lideraram um governo autoritário durante 24 anos, deixando a economia da Tunísia destruída.

Em 2018, depois de julgamentos à revelia por “homicídio intencional”, “abuso de poder” e “desfalque”, ele foi condenado à revelia a mais de 100 anos de prisão. A família não informou onde vão ocorrer os funerais, se na Tunísia ou na Arábia Saudita.

A morte de Ben Ali ocorre entre dois turnos de eleições presidenciais conturbadas na Tunísia. Resultados oficiais divulgados na terça-feira (17) apontaram que o segundo turno será disputado pelo candidato conservador Kais Saied e o empresário Nabil Karaoui. Este último está preso, acusado de corrupção.

Logo depois da divulgação dos resultados, os advogados do empresário afirmaram que farão um novo pedido de libertação. Segundo os magistrados, o candidato pode se eleger presidente, já que nenhuma condenação o priva de seus direitos cívicos até o momento.

Karaoui, magnata das comunicações e dono do canal de TV Nessma, é investigado por lavagem de dinheiro e está preso desde 23 de agosto. O empresário foi detido a dez dias do início da contestada campanha, que realizou de dentro da prisão.

Para conquistar o eleitorado, seu canal de TV foi fundamental: uma estratégia extremamente criticada por seus opositores. Mas, diante da possibilidade de que seus rivais exijam o cancelamento da participação de Karaoui no 2° turno, o Isie, órgão independente encarregado de supervisionar as eleições, já deu seu parecer negativo. “Estamos analisando a situação, mas para tirar um candidato da corrida eleitoral é preciso ter uma razão válida e sólida de fraude“, afirmou nesta terça-feira o porta-voz da instituição, Hasna Ben Slimane.

Chamado de “salvador” por admiradores e de “bandido” por opositores, Karoui, de 56 anos, permaneceu preso desde o início de sua campanha. O candidato foi obrigado a repassar a responsabilidade a amigos e principalmente à esposa, Salwa Smaoui, que batalhou intensamente por votos.

Culpado ou não dos crimes dos quais é acusado, o magnata é um dos símbolos da transição política na Tunísia, com um eleitorado extremamente decepcionado com seus representantes e exausto da crise econômica que o país enfrenta desde a Primavera Árabe, em 2011. O desemprego continua a afetar mais de 15% da população, incluindo muitos jovens recém-formados, a inflação engole a renda já baixa, enquanto a precariedade dos serviços públicos alimenta o ressentimento.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Arqueólogos encontram o que seria o túmulo de Rômulo, fundador de Roma

A descoberta é considerada "excepcional" pelos arqueólogos. O que poderia ser o túmulo de Rômulo (Romulus), o rei fundador de Roma, foi apresentado ao público pela primeira vez nesta sexta-feira (21), trazendo à tona uma …

Venezuela pede investigação do aeroporto de Lisboa em caso de tráfico de drogas

Polícia prendeu duas pessoas em Caracas, envolvidas em envio quinzenal de drogas para Portugal. Segundo autoridades venezuelanas, o transporte era feito em voos da TAP e o aeroporto de Lisboa foi acusado de cumplicidade. O Ministério …

Alemanha reforça medidas de segurança contra extrema direita após atentado

Após o choque do ataque racista em Hanau e pressionado por todos os lados a reagir, o governo alemão anunciou nesta sexta-feira (21) um fortalecimento da vigilância policial, especialmente em torno das mesquitas, diante de …

Tribunal autoriza Tesla a derrubar floresta nos arredores de Berlim

O Tribunal Administrativo Superior de Berlim-Brandemburgo, na Alemanha, autorizou nesta quinta-feira (20/02) a fabricante americana de carros elétricos Tesla a continuar derrubando uma floresta nos arredores de Berlim para a construção de sua primeira fábrica …

McDonald’s lança vela perfumada com ingredientes de hambúrguer

Quando você pensa que o McDonald’s já esgotou a sua cota de criatividade, eis que o marketing da franquia de restaurantes surge com as velas perfumadas com ingredientes de hambúrguer. Criadas para comemorar os 50 anos …

Câmara oculta no túmulo de Tutancâmon poderia abrigar rainha Nefertiti, revelam cientistas

Uma equipe de arqueólogos afirma ter encontrado evidências da existência de uma câmara oculta por atrás das paredes da famosa tumba de Tutancâmon, no Vale dos Reis, Egito. Essa câmara, segundo cientistas, poderia ser a …

Donald Trump critica Oscar por ter escolhido Parasita como Melhor Filme

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não ficou nada satisfeito com a escolha de Parasita, longa sul-coreano, como vencedor do Oscar de Melhor Filme. O político disparou contra a Academia, que escolheu a produção de …

Vídeo viral de menino que sofre bullying gera onda de comoção e apoio global

Pessoas de todo o mundo se uniram em apoio a um menino australiano de nove anos depois que um vídeo mostrando sua profunda angústia por ter sofrido bullying viralizou nas redes sociais. Yarraka Bayle postou o …

Inteligência dos EUA diz que Rússia atua por reeleição de Trump

Oficiais alertam parlamentares de que Moscou vem interferindo para ajudar campanha eleitoral do presidente americano. Mídia afirma que Trump substituiu diretor de Inteligência Nacional após se irritar com a revelação. Oficiais de inteligência dos EUA alertaram …

Levantamento aponta que Brasil tem 300 mil bruxos e bruxas

De acordo com a União Wicca do Brasil (UWB), há cerca de 300 mil bruxos e bruxas no país. O Rio de Janeiro é o estado campeão em número de praticantes, somando 40 mil adeptos …