Kim supervisiona teste de nova “arma tática” na Coreia do Norte

(dv) KCNA / YONHAP

A Coreia do Norte desenvolveu e testou um novo sistema de armas, comunicou a agência estatal de notícias KCNA nesta quinta-feira (18/04). Sem denominá-lo de míssil, o projeto foi descrito como uma “arma tática guiada” que carrega uma “ogiva poderosa”.

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, esteve presente no teste, segundo o comunicado. Kim afirmou que o desenvolvimento bem-sucedido do projeto representa “um evento de grande importância” para impulsionar as capacidades de combate da Coreia do Norte.

Kim “coordenou o teste de fogo”, que foi realizado “em vários modos de disparo em alvos diferentes”, relatou a KCNA. O líder norte-coreano também acompanhou um exercício de combate das forças antiaérea e aérea e expressou “grande satisfação” com o desempenho.

A operação desta quinta-feira marcou o primeiro teste de armas divulgado oficialmente por Pyongyang desde o fracasso das conversas entre Kim e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, em fevereiro, em Hanói.

Marcou também a primeira vez que Kim supervisionou de perto um teste de armamento desde novembro do ano passado, quando o líder acompanhou o lançamento de outra “arma tática”, provavelmente um sistema de artilharia, que supostamente poderia proteger a Coreia do Norte como um “muro de aço”.

No momento dos dois testes – de novembro e desta quinta-feira – o diálogo com Washington estava travado. A Casa Branca comunicou ter tomado conhecimento do relato sobre os testes norte-coreanos, mas não fez comentários.

O uso da palavra “tática” para descrever sistemas de combate pode indicar que são de curto alcance, o que não viola as sanções da ONU – diferentemente dos anteriormente testados mísseis de longo alcance capazes de transportar ogivas nucleares ao território dos EUA.

Após o fracasso da cúpula em Hanói, Kim sugeriu romper as conversas com os americanos e ameaçou retomar os testes com mísseis nucleares. Apesar disso, o líder norte-coreano afirmou na semana passada estar disposto a se reunir novamente com Trump.

Nesta quinta-feira, no entanto, a Coreia do Norte exigiu a substituição do secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, como líder nas negociações sobre a desnuclearização como condição para o prosseguimento do diálogo.

Em nota da KCNA, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores norte-coreano afirmou que “caso as conversas sejam retomadas no futuro”, o regime gostaria que em vez de Pompeo, esse papel fosse atribuído a “alguém que mostre maior tato e maturidade na hora de se comunicar” com Pyongyang.

O porta-voz acrescentou que o relacionamento pode “se tornar complicado se Pompeo estiver envolvido nas negociações”, mas ao mesmo tempo ressaltou que “felizmente, a relação entre o presidente Donald Trump e nosso líder continua sendo boa“.

Depois de uma série de testes nucleares, Kim prometeu em abril do ano passado que seu país faria uma pausa nos testes e no lançamento de mísseis balísticos intercontinentais.

No entanto, imagens de satélite tiradas da principal planta de testes nucleares da Coreia do Norte na semana passada mostram movimentação que pode estar associada ao reprocessamento de materiais radioativos em combustível, segundo relato do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais dos EUA.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Maioria das vacinas da Moderna será reservada no início para os Estados Unidos

A Moderna espera disponibilizar entre 100 e 125 milhões de doses de sua vacina contra a Covid-19 no primeiro trimestre de 2021. A empresa anunciou, nesta quinta-feira que, no início, entre 85 e 100 …

Amazonas é 3º estado com mais queimadas, emissões e desmatamento

Pela primeira vez, o Amazonas assume a terceira posição nos três principais rankings que indicam o avanço da degradação florestal na Amazônia brasileira, incluindo indicadores de queimadas, emissões de gases de efeito estufa e desmatamento …

Sudão bane casamento infantil e mutilação genital feminina, mas prática apresenta desafios

Depois de derrubar o ditador Omar al-Bashir no ano passado, o Sudão deu importante passo para reverter alguns dos tantos horrores cometidos contra a população feminina no país – e tornou ilegal tanto o casamento …

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …

Astrônomos mapeiam 1 milhão de galáxias previamente desconhecidas

Cerca de um milhão de galáxias previamente desconhecidas para além da Via Láctea foram adicionadas a um mapa detalhado de seção de espaço. Pesquisas sobre o espaço normalmente demoram anos para serem completas, mas um novo …

Brasil recebe vacina de Oxford em janeiro, promete Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que o primeiro lote das vacinas de Oxford chega ao Brasil em janeiro. Serão 15 milhões de doses entre janeiro e fevereiro, totalizando 260 milhões ao longo do …

Cingapura é primeiro país a aprovar venda de carne de laboratório

Empresa californiana obteve autorização da cidade-Estado para usar sua carne de frango produzida a partir de cultura celular em chicken nuggets e garante que preço será competitivo. Cingapura é o primeiro país do mundo a aprovar …

Relatório da ONU aponta que 2020 deve ser um dos 3 anos mais quentes já registrados

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura. O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, …

Documentos oficiais mostram que a China escondeu informações sobre a Covid-19

Relatórios oficiais chineses teriam sido transmitidos à rede de TV americana CNN por meio de um informador anônimo. A investigação se chama “Wuhan files” e tem como foco o começo da pandemia de Covid-19, em …

Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem. Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo …