Vírus gigantes carregam código genético que pode controlar o metabolismo dos seres vivos

Abrahão et al.

Pesquisadores do Instituto Politécnico e Universidade Estadual da Virgínia (EUA) descobriram semelhanças genéticas intrigantes entre vírus gigantes e vida celular.

Aparentemente, estes vírus possuem genes que controlam processos metabólicos e podem exercer grande influência em células vivas.

“Quanto mais aprendemos, mais eles [vírus gigantes e vida celular] se sobrepõem. Em termos de repertório genético, eles têm muito mais em comum do que esperaríamos”, explicou o ecologista microbial Frank Aylward ao Science Alert.

A maioria dos vírus é muito pequena. Chamamos de vírus gigantes as cepas tão grandes que atingem os tamanhos de bactérias.

Estes organismos, descobertos neste século, possuem genomas complexos que vêm intrigando os cientistas há um bom tempo. Diversas descobertas recentes desafiaram a nossa concepção sobre vírus, incluindo se eles deveriam ser considerados seres vivos ou não.

Isso porque alguns desses vírus gigantes parecem criar seus próprios genes, enquanto outros possuem códigos genéticos jamais observados em qualquer outra criatura.

No novo estudo, os pesquisadores analisaram um banco de dados metagenômicos a partir do qual reuniram genomas putativos de 501 tipos diferentes de vírus gigantes classificados como “vírus de grandes nucleocitoplasmáticos de DNA”. Eles são encontrados principalmente em ambientes aquáticos, onde infectam coisas como algas.

Ao analisar essas informações genéticas, os cientistas de fato acharam coisas que já esperavam, como genes que processam a construção do capsídeo (a camada externa de proteínas que envolve a partícula viral) e infecciosidade viral.

No entanto, também descobriram que os vírus gigantes possuem uma diversidade enorme de genes que envolvem aspectos do metabolismo celular, incluindo processos como absorção de nutrientes e metabolismo de nitrogênio.

Essa descoberta é diferente de achados anteriores nos quais pesquisadores identificaram genes adquiridos em vírus gigantes através de transferência lateral. Isso significa que material genético foi passado entre organismos, ao invés de transferido de pai para filho. Ou seja, é possível que vírus gigantes adquiram genes sem querer ao infectar organismos vivos.

A nova pesquisa, por outro lado, descobriu linhagens de genes metabólicos virais muito antigas, o que sugere relações duradouras entre patógenos e hospedeiros cujo significado ainda não podemos compreender totalmente.

“Isso implica que os vírus possuem esses genes há milhões de anos, até bilhões de anos, e são genes metabólicos específicos de vírus. Uma vez que os vírus infectam uma célula, não podemos mais pensar nela como sua própria entidade autônoma. Os aspectos fundamentais da fisiologia celular estão sendo reconfigurados por esses vírus após a infecção”, afirma Aylward.

Em outras palavras, há uma possibilidade de que vírus gigantes e seus ancestrais possam ter vivido ao longo de organismos celulares por eras, replicando-se dentro das células destas criaturas vivas e exercendo uma influência invisível em seus processos metabólicos durante todo o tempo.

De acordo com os pesquisadores, os vírus têm sido historicamente vistos como “acessórios” para a vida celular, e sua influência nos ciclos biogeoquímicos observada somente através das lentes de seu impacto na mortalidade do hospedeiro.

Agora, talvez precisemos analisar essas criaturas pela perspectiva de quaisquer atividades metabólicas diretas.

“O grande número de genes metabólicos celulares codificados nos genomas de vírus de grandes nucleocitoplasmáticos revelado neste estudo traz à luz uma visão alternativa na qual enzimas específicas de vírus têm um papel direto na formação da fisiologia das virocélulas”, escrevem os cientistas em seu artigo.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

"Peças extraordinárias" achadas na Indonésia podem ser da lendária "ilha do Ouro"

Tesouros no valor de milhões de dólares encontrados nos últimos cinco anos ao longo do rio Musi podem ser do antigo império malaio Serivijaia, na ilha de Sumatra, que por 300 anos dominou as rotas …

Pandemia de Covid-19 vai acabar "quando o mundo decidir acabar com ela", diz diretor da OMS

A pandemia de Covid-19 vai acabar "quando o mundo decidir acabar com ela", disse neste domingo (24) o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Ghebreyesus. O representante da ONU discursou na abertura …

Google está “criando Deus”, alerta ex executivo da Google

Segundo um ex-executivo do Google, a singularidade está chegando. E, segundo ele isso representa uma grande ameaça para a humanidade. Mo Gawdat, ex-diretor de negócios da organização moonshot do Google, que na época se chamava Google …

Pandemia causa a maior redução na expectativa de vida desde a Segunda Guerra

Desde a descoberta do coronavírus SARS-CoV-2, mais de 4,9 milhões de pessoas morreram oficialmente em consequência da infecção, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins. Nesse cenário, a pandemia da covid-19 reduziu a expectativa de vida …

Forças Armadas da Noruega assinam contrato bilionário de mísseis para caças F-35

Noruega tem sido um parceiro ativo no programa de caças dos EUA F-35, tendo em conta que 18 empresas deste país nórdico são parceiros diretos. Subsequentemente, a Noruega decidiu adquirir 52 caças F-35 para substituir …

Brasil fez lobby para mudar relatório climático, diz Greenpeace

Vários países, entre eles o Brasil, tentaram fazer mudanças em um crucial relatório da ONU sobre como combater o aquecimento global, afirmou o Greenpeace nesta quinta-feira (21/10), citando um grande vazamento de documentos. Os documentos aos …

Site da Coreia do Sul é usado para hospedar vírus e distribuí-lo via torrents

Uma campanha de distribuição de malwares na Coreia do Sul está disfarçando cavalos de troia de acesso remoto como um jogo para o público adulto, compartilhado via serviço de hospedagem de arquivos, como o WebHard, …

América Latina pode levar ‘muitos anos’ para superar impacto da pandemia, alerta FMI

Os efeitos negativos da pandemia de Covid-19 em termos de produtividade, emprego e capital humano na América Latina e Caribe podem "demorar muitos anos para serem revertidos". O alerta foi feito nesta quinta-feira (21) pelo …

Dinossauro “garça do inferno com cara de crocodilo” é descoberto

Dois dinossauros carnívoros de dentes pontiagudos com crânios de crocodilo apareceram uma vez nas margens do rio na Ilha de Wight, na Inglaterra, revelam novos fósseis. Os cientistas deram às criaturas nomes científicos que se traduzem …

As 9 acusações contra Bolsonaro no relatório da CPI - e a manobra governista para tentar blindá-lo

Após o relatório da CPI da Covid no Senado acusar o presidente Jair Bolsonaro de nove crimes durante a pandemia, um senador da bancada governista tentou uma manobra para "blindar" o chefe do Executivo e …