Falha da Força Aérea permitiu acesso a armas ao atirador do Texas; Trump rejeita maior controle de armas

(dr)

Devin Patrick Kelley, o autor do tiroteio que matou 26 pessoas no Texas

O autor do ataque que matou 26 pessoas nos Estados Unidos devia ter sido referenciado para que não tivesse acesso a armas. A Força Aérea reconheceu o erro e investiga a forma como a instituição lidou com o atirador do Texas.

A Força Aérea norte-americana abriu um inquérito interno devido à sua falha em introduzir em uma base de dados federal informações importantes sobre Devin Kelley, o homem que matou 26 pessoas em uma igreja do Texas.

Nesta segunda-feira (6), a Força Aérea admitiu em comunicado que falhou um procedimento de segurança.

Kelley, depois de ter sido condenado por violência doméstica, foi afastado do serviço militar mas seu nome não foi incluído na base de dados que bloquearia seu acesso à armas que usou para atacar a igreja batista em Sutherland Springs.

Problemas familiares

Devin Patrick Kelley, autor do tiroteio que deixou 26 mortos em uma igreja no Texas, foi supostamente motivado por problemas familiares para cometer o massacre.

Isso é o que apontam as primeiras investigações sobre o caso, de acordo com Freeman Martin, chefe da polícia local. “Havia uma desavença naquela família”, disse o oficial a jornalistas nesta segunda-feira (6).

O atirador, segundo Martin, “demonstrava ter raiva” da sogra, cujo nome não foi revelado, e que frequentava a Primeira Igreja Batista de Sutherland Springs, cidade rural com cerca de 400 habitantes.

Ele enviou diversas mensagens de ameaças a ela – a última delas no domingo de manhã, horas antes de abrir fogo. A sogra, contudo, não estava na igreja na hora do incidente.

O ataque, segundo Martin, “não teve motivação racial e também não está ligado a crenças religiosas”. “Havia um problema doméstico com seus familiares”, afirmou o policial sobre Kelley, ex-soldado da Força Área dos Estados Unidos que cumpriu pena de um ano por agredir a esposa e o filho em 2012.

De acordo com o chefe de polícia do distrito de Wilson, Joe Tackitt, Kelley se matou após uma troca de tiros ao final de uma perseguição de carros.

Um bebê de um ano e meio e idosos estão entre as vítimas do massacre. Dez pessoas continuam internadas em estado grave. Segundo a rede CNN, Kelley usou um rifle AR-556 comprado em uma loja em San Antonio, no Texas, para cometer o atentado.

O atirador tentou tirar a licença para portar armas no estado, mas teve o pedido negado. “Pelos fatos que sabemos até agora, ele não deveria ter acesso a uma arma”, disse o governador Greg Abbott.

Em visita oficial no Japão, o presidente americano Donald Trump afirmou que o ataque é “um problema de saúde mental”.

“Temos muitos problemas de saúde mental no nosso país. É algo que precisamos abordar de maneira séria”, disse em entrevista coletiva em Tóquio ao ser questionado sobre que medidas que deveriam ser adotadas para evitar esse tipo de tragédia.

Necessidade de maior controle do porte de armas

O presidente americano, Donald Trump, rejeitou nesta terça-feira (7) a necessidade de iniciar um debate sobre o controle de posse de armas nos EUA e disse que com mais restrições as vítimas do ataque no Texas “poderiam ter sido centenas”.

“Se aquele homem não tivesse uma arma e não tivesse disparado contra o atirador, as vítimas poderiam ser centenas“, disse Trump em referência ao residente de Sutherland Springs (Texas) que, armado com seu próprio fuzil, enfrentou o homem que abriu fogo na igreja matando 26 pessoas.

O líder da Casa Branca encerrou assim as perguntas sobre uma modificação de lei por causa do pior massacre da história do Texas em entrevista coletiva em Seul, onde afirmou que “o estado com mais controles de armas é Chicago e é um desastre”.

Ciberia // GNI / EFE

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Engraçado que TODA a imprensa chama o cara de “ATIRADOR”, porque não chama ele de “O CATÓLICO TERRORISTA” exatamente como chamam o “MUÇULMANO TERRORISTA” ???
    Dias antes um indivíduo atropelou e matou 6 pessoas em Nova Iorque e até hoje toda a imprensa e governos chamam ele de TERRORISTA só pelo falo de ser muçulmano, e ainda digamos que foi um “acidente” porque mataram o cara e não da pra saber da realidade, inúmeras vezes acontece de alguém atropelar pessoas na rua e o motivo é “acidente” e não “terrorismo”, mas considerando que o cara realmente era um terrorista, atropelou e matou 6 pessoas… agora,… este outro entra na igreja e mata 26 pessoas ATIRANDO nelas, porque não é considerado um “TERRORISTA” ? se este mesmo cara fosse “muçulmano”, o chamariam de “ATIRADOR” ???
    vale a pena refletir !!!

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Por que cientistas estão determinados a provar que Einstein estava errado

Ano entra, ano sai, e tanto a lei dos corpos em queda de Galileu Galilei quanto a teoria da relatividade de Albert Einstein são testadas novamente apenas para os pesquisadores confirmarem pela enésima vez que …

Bolsonaro faz apologia à ignorância, afirmam historiadoras no jornal Le Monde

  O jornal Le Monde que chegou às bancas na tarde desta segunda-feira (27) traz um texto de meia página criticando a política cultural em vigor atualmente Brasil. Assinado por duas historiadoras francesas e uma brasileira, …

OMS considera elevado risco global de coronavírus

A Organização Mundial da Saúde admitiu nesta segunda-feira (27/01) um erro na avaliação de risco global do novo coronavírus, que surgiu na China, e disse que o nível correto é elevado. Anteriormente, ele havia sido …

Quem é Vanessa Nakate, ativista negra cortada de foto com Greta em Davos

O tema era o meio-ambiente, mas o debate sofre o futuro da humanidade ganhou outros vultos quando a jovem ativista climática de Uganda, Vanessa Nakate, descobriu que havia sido cortada pela agência de notícias Associated …

Sobreviventes retornam a Auschwitz nos 75 anos da libertação

Autoridades de 50 países participam da solenidade no antigo campo de concentração na Polônia, em meio a temores pelo aumento do antissemitismo. "Precisamos tomar cuidado para que não volte a acontecer", diz sobrevivente. Mais de 200 …

Por que cientistas querem tanto provar que Einstein e Galileu estavam errados

Ano entra, ano sai, e tanto a lei dos corpos em queda de Galileu Galilei quanto a teoria da relatividade de Albert Einstein são testadas novamente apenas para os pesquisadores confirmarem pela enésima vez que …

Morreu Kobe Bryant, um dos maiores astros da NBA

Neste domingo (26), o astro do basquete norte-americano, Kobe Bryant, faleceu em acidente de helicóptero, na cidade de Los Angeles, nos EUA. Autoridades e testemunhas levantam as primeiras hipóteses sobre a causa da queda. O lendário …

Coronavírus terá impacto no PIB chinês e na economia global

A nova epidemia de coronavírus é um balde de água fria na cabeça do mundo. A começar pelos chineses. Em 2003, o último vírus mortal se propagando pelo mundo inteiro – o SARS – …

Abelhas adoram cannabis e este caso de amor pode ajudar a salvar a espécie

Consideradas os seres vivos mais importantes do planeta, as abelhas são animais insubstituíveis, dos quais dependemos para viver. No entanto, nas últimas décadas, devido ao aquecimento global e o uso execessivo de pesticidas, elas estão …

Cientistas finalmente descobriram como capturar o espectro todo da luz solar para gerar hidrogênio

Pela primeira vez, cientistas da Universidade Estadual de Ohio (EUA) desenvolveram uma molécula que é capaz de coletar a energia de todo o espectro da luz solar. O processo, 50% mais eficiente que as atuais …